sexta-feira, 8 de julho de 2011

Na guerra ou na vida...

Hoje é sexta feira.
As feridas doem menos.
Sou capaz de sorrir
até mesmo das baixas consideráveis e
do fogo amigo ou (acredite!) até no velório de joão,
porque hoje é sexta feira.