quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Imutável espirito humano

Aqui é trabalho.Tinha que ser naquele horário e daquele jeito. Bocas para ser alimentadas aguardavam o retorno do rei sem cadeira, destronado rei dos iguais.
Para a vida, no dia seguinte, e no outro, ele iria eternamente nos braços da incompreensão pessoal.
Mesma rotina, mesmo tecer corriqueiro da fila do pão, mesmo elogiar franzino, magro, a mediocridade existencial a qual tinha direito, sua parte. As convenções o moldavam além de suas forças. O ovo frito na marmita encardida, coberto por arroz requentado o fazia lembrar de não perder a hora, hora de homem, hora de pai. Hora de quem provém.
Sozinho se segue, os aplausos não são legitimados para os artistas da vida; Mudar ou enlouquecer. Aposta feita na segunda opção. Necessitou fazer algo, talvez um trenzinho de papel e com isso passar a matar o tempo, maldito tempo do dinheiro, do ganhar, o brinquedo tomou forma e cresceu em importância na sua insípida rotina.Carecia apenas lapidar, moldar, criar, dar forma,"ser materializado", por ele feito.
Pela primeira vez em sua vida pudera construir algo com suas próprias mãos.Era rústico, primário,simples, mas era sua identidade, sua criação.
-Trem, em horário de serviço não pode, joga fora esta porcaria! Disso o Senhor Oscar.
O suor caiu desnecessariamente de sua testa! Adrenalina, medo de ser descoberto, e agora...Mas,o trem nunca existiu, foi apenas um cochilo rápido; Leve esperança pra quem tem tão pouco ao que se apegar. "Aqui é trabalho", sinalizava a placa sobre sua mesa, nisso ele acreditava, abaixou a cabeça e...Trabalhou, trabalhou, trabalhou até se cansar, quando esbaforido, fez serão a noite inteira.

6 comentários:

Ewerton Lenildo disse...

Interessante amigo! Faz-nos refletir sobre nossa atual situação e como nos comportamos perante ela! O que faremos até para mudarmos e como nós desejamos e sonhamos com determinadas situações. Fez-me refletir onde estou neste momento, onde eu queria estar e o que farei para mudar a situação e chegar aonde quero. Ótimo texto, muita luz para ti e tua família, grande abraço!

Ewerton Lenildo - @Papeldeumlivro
papeldeumlivro.blogspot.com

La Gata Coqueta disse...



Regálale a los demás el brillo de tus ojos...
ese precioso brillo que proviene de tu alma;
sin ocultarlo detrás de cualquier modesta escusa,
puede que algún ser humilde precise de esa dulce mirada...

Un abrazo soñando
y un beso amando

Atte.
María Del Carmen

Laura Santos disse...

Grande texto! Adorei.
Pois é, ninguém pode sonhar e construir esse trem; tem é de ficar sempre ali numa rotina de horas infindáveis, no batente...o provedor do pão da família.
Gostei muito.
xx

kami disse...

Vida sempre cheia de tarefas ignóbeis e vazia de sentimentos de boas sensações...vida mediocre, e dessa mediocridade todos temos um quinhão. Infelizmente. .. lindo texto, cheio de verdades.

kami disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vitor Costa disse...

Muito bom, é aquela velha história, a mesma de tantas vidas...absorvidas.

Seria uma honra receber uma visita tua no meu blog:

http://leigopoeta.blogspot.com.br/

Grande Abraço