quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Tarde ensolarada de verão

Um dia certo pai comum,decidiu que era a hora de chamar seu filho para pescar.Então percebeu que não adiantaria,era tarde demais para que isso sortice qualquer efeito prático,seu filho não era mais o mesmo,tornara-se um engma,o enigma junior.Enigma,educado para vencer a qualquer custo,corrompido pelas nuances do trabalho e da vida,sobrevivia com critérios minuciosamente decorados e com armas em punho que arrematara para sí durante seu amadurecimento.Junior exemplo,aceito socialmente com louvor e imitado;Nunca parava o trabalho para ver a vida."Refletir é besteira",proclamava.Considerava o sono apenas um período em stand by,uma pausa forçada dentro da  necessidade da jornada,algo totalmente desnecessário,prazer fugaz,relegado aos fracos.Entre uma atividade e outra,talvez,até se lembrava vagamente que um dia tivera pais,mas a muito os havia deletado do rigor de sua agenda.Deletara igualmente muitas outras coisas desnecessárias.Uma máquina eficiente e minuciosa na arte de fazer dinheiro.Máquina em todos os sentidos.Foi então que forçado pela situação,em um único minuto de reflexão,uma vida inteira passou diante de seus olhos;Pensou na cruel existência de uma máquina fria que no exercício contínuo e programado de sua função pré-definida,esquece sempre de seu criador...Pois este o maior culpado,visando sempre o resultado financeiro,nunca lembra de acrescentar no projeto o botão parada...amor.

2 comentários:

Anônimo disse...

"nOS LEVA A REFLETIR EM COMO CRIAMOS NOSSOS FILHOS.pARA A VIDA PROFISSIONAL PURA OU PARA A FELICIDADE(MUITO BOM)--NATAN--RIOlÂNDIA.

Anônimo disse...

CORRO AGORA PARA MEU FILHO ANTES QUE FIQUE TARDE.TCHAU!!!!!-luiz CARLOS SOLTO/ALAGOINHA.GO.